quinta-feira, 21 de maio de 2009

Sessão de gala de "À Deriva" termina com mais de cinco minutos de aplausos

THIAGO STIVALETTI

Colaboração para o UOL, de Cannes

Terminou com mais de cinco minutos de aplausos a sessão de gala do filme "À Deriva", do brasileiro Heitor Dhalia, que compete na mostra Um Certo Olhar do 62º Festival de Cannes. A sessão, que aconteceu na noite desta quinta (12), era formada em boa parte por convidados da equipe e jornalistas. As atrizes Debora Bloch e a estreante de 16 anos Laura Neiva, protagonista do filme, choraram bastante emocionadas.

  • Reprodução

    Laura Neiva e Vincent Cassel em cena do filme "À Deriva", de Heitor Dhalia


Antes da projeção, subiram ao palco Dhalia, os atores Vincent Cassel, Debora Bloch, Cauã Reymond e Laura Neiva. O francês Cassel foi o primeiro a falar, em português. "Boa noite, eu sou Vicente Cassel, ator 'franco-brasileiro'. Estou aqui para defender esse maravilhoso cinema brasileiro. Algo de importante está acontecendo lá", disse o ator, que também fala português no filme.

Dhalia disse que era uma grande honra estar em Cannes e dedicou a sessão à atriz Laura Neiva. Debora Bloch falou em francês com a plateia: "Espero do fundo do meu coração que vocês fiquem tocados pelo filme como nós ficamos durante as filmagens".

Terceiro filme de Heitor Dhalia (de "O Cheiro do Ralo" e "Nina"), "À Deriva" é uma coprodução internacional entre O2 Filmes, de Fernando Meirelles, e a Focus Features (braço independente da Universal). O drama intimista conta a história de Filipa (Laura Neiva), uma adolescente que passa o verão em Búzios com os irmãos e os pais, que vivem um crise no casamento. Ela vive seus primeiros amores e é forçada a amadurecer quando descobre o relacionamento do pai (Cassel) com outra mulher (Camila Bell, de "10.000 AC").

"À Deriva" é amparado por uma bela fotografia, que dá um tom de memória e nostalgia ao filme, como se a história fosse contada por uma Filipa já mais velha, muitos anos depois, mas sem apelar ao recurso banal do flashback. Além do visual bonito, outro grande atrativo do filme é a atuação de Deborah Bloch, atriz pouco aproveitada no cinema, que tem seu melhor papel desde "A Ostra e o Vento" (1997), de Walter Lima Jr. Laura Neiva, que foi descoberta no site de relacionamentos Orkut, mostra segurança em seu primeiro papel no cinema e sua boa atuação deve render convites para novos trabalhos.




Fonte: http://cinema.uol.com.br/cannes/ultnot/2009/05/21/ult5900u78.jhtm

2 comentários:

Prof. Israel Lima disse...

Venha Você, Também, Comemorar!
35º Aniversário do Prof. Israel Lima (23/05/2009)
e os 4 meses do [Pelo Corredor da Escola] (22/05/2009)


Ofereço a você que acompanha meu blog “Pelo Corredor da Escola” um selo comemorativo do 4º mês na net do blog e do meu 35º aniversário.
Esta foi a maneira que achei para retribuir o carinho que você tem dispensado a mim, visitando e comentando as postagens que publico no blog, que a tão pouco tempo vem crescendo, graças a você, eu só tenho que agradecer. Para mim é um privilégio ter você, lá, no meu espaço, que surgiu em 22/01/2009. No dia 22 deste mês o blog completará 4 meses na net e no dia 23 é o meu aniversário de 35 anos. Venha comemorar comigo!!!

O selo é o meu presente para você.

O presente que eu quero receber de você é a sua visita e VOTOS nos meus selos de participações.

Bom, agora e só copiar e usar em seu blog.

Desde já agradeço o seu carinho e consideração.

Será um prazer imenso visualizá-lo em seu blog.


Um grande abraço,

Prof. Israel Lima

Marise von disse...

Prof. Israel,


Parabéns pelo seu aniversário e muitas felicidades.
É um alegria receber o seu selo comemorativo.

Abraços,
Marise.

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin